A necessidade do movimento

Temos que entender que a essência da vida é o movimento. Nada está parado no universo desde que Ele foi criado. E nós somos o universo, já que a nossa composição química é a mesma – vale lembrar os principais elementos que formam a ambos como o carbono, o hidrogênio e oxigênio. Vida sem movimento é um sinal que algo não está bem, não está em equilíbrio.
Partindo desta reflexão percebemos que o homem moderno buscou e criou um atalho. Ele usou a capacidade intelectual para desenvolver facilidades como a escada rolante, o elevador, o carro automático, o controle remoto. Tudo isso foi criado com finalidade de, principalmente, ganhar tempo e ter mais conforto e comodidade. No entanto, todas essas facilidades nos tornaram sedentários, preguiçosos. Deixamos de fazer as nossas atividades da vida diária “mecanicamente” como subir as escadas, levantar para mudar o canal da televisão, etc.
Desse modo, nossa saúde ficou em débito diário, já que poupamos os mínimos esforços. Nosso coração, que é um músculo que necessita de estímulos, não é solicitado como deveria.
Como então vamos mudar esses maus hábitos já que nascemos e crescemos nesse meio? A grande sacada é você não se deixar levar pelo sedentarismo e ter a atitude de transformar esse meio e torná-lo mais saudável.
Um caminho é colocar em prática aquele velho projeto de iniciar uma atividade física na segunda-feira. Seja ela qual for. O importante é dar o primeiro passo já que é o mais difícil. Um trabalho de mudança de estilo de vida requer, principalmente, força de vontade, paciência e determinação. Além de amor com a sua saúde.
Como sentir essa vontade de fazer algo por você, de cuidar da sua saúde através de uma atividade física a qual você nunca experimentou? Nesse caso, como já citei antes, é a atitude, sair da zona de conforto e fazer acontecer. Pequenas mudanças como ir à padaria a pé ao invés de ir de carro ou fazer um alongamento a cada duas horas, já que passamos sentados em frente ao computador. Pequenos gestos fazem a diferença.
Para quem quer ter uma “saúde de ferro”, o equilíbrio se resume em ter uma alimentação balanceada, praticar atividades físicas com orientação profissional, ter um sono de qualidade e meditar. A sua saúde é o seu bem mais valioso. Escute seu corpo, pare alguns minutos do seu dia para desenvolver essa auto-percepção corporal. O quanto antes isso acontecer na sua vida, mais qualidade de vida você terá e, consequentemente, chegará à idade madura cheio de vida e disposição.
Comece sempre com as pequenas mudanças. Assim, terá uma maior chance de não se perder no caminho, evitando falsas expectativas e futuras frustrações.

Fonte: Lílian Ruberti, Personal Trainer da TEST TRAINER.

banner blog cliente

Gostou? Clique aqui e Curta nossa página do facebook e fique por dentro de todas novidades do blog!

Comments

comments