Barriga Tanquinho

Chega de se olhar no espelho e enxergar apenas barriga. Ninguém merece se sentir desconfortável com o próprio corpo! Então, faça as pazes com você mesma. Está na hora de suar para ficar com a silhueta mais bonita. Quando o assunto é barriga chapada, é preciso muita perseverança.
Não basta fazer 500 abdominais – crença infundada da maioria das pessoas. Os resultados dependem de um conjunto de hábitos de vida que incluem alimentação balanceada, boa qualidade do sono e a frequente realização de variados exercícios físicos.e disciplina para levar adiante um programa completo de atividades.
Para perder a barriga, ou seja, reduzir a gordura corporal – tanto localizada como geral – o grande fator indispensável é a atividade aeróbia, como corrida, caminhada, bicicleta, natação, elípticos (aparelhos que dão a sensação de flutuação e têm menos impacto), boxe, ginástica de academia, jump, aerobox ou jogos de equipe. “Para ter a barriguinha bonita (esteticamente falando) é preciso combinar baixo nível de gordura corporal com fortalecimento da musculatura abdominal; não adianta ter só um ou outro”, esclarece o personal trainer Givanildo Holanda Matias, diretor da Test Trainer.
Segundo Givanildo, uma das melhores maneiras de combinar tudo isso e otimizar resultados é o circuito, constituído de alternativas que intercalam trabalhos aeróbios e muscular. Realizam-se duas ou três modalidades de exercícios musculares – em séries de 15 a 25 repetições – intercaladas pela chamada pausa ativa, composta por exercícios aeróbios.
“Nesse trabalho combinado tem-se a falsa impressão de fadiga, tornando o treino mais dinâmico e motivante, além de resultar num gasto energético muito maior. Também fica mais eficiente o trabalho de definição e fortalecimento muscular, que deve ter ênfase sobre exercícios abdominais em suas variações – retoabdominal, oblíquos, inferior e superior”, explica o personal.
O personal ressalta a importância de se trabalhar com sobrecarga – pesos, anilhas, caneleiras e equipamentos – aumentando-a progressivamente, intensificando o exercício também com a elevação do número de repetições. Ele adverte, ainda: “Para melhores resultados, é preciso ter concentração e ritmo, e não rapidez. Quem tem dores de coluna deve executar os exercícios abdominais em colchonete, com apoio na região lombar, com as pernas elevadas e apoiadas em um banco, além de elevar menos o tronco”.
Siga o passo a passo de um circuito de uma hora para perder a barriga e afinar a silhueta.
São três séries (etapas) de exercícios que devem ser repetidas três vezes cada uma, antes de passar para a pró
xima. Entre as etapas, deve ser feita uma pausa ativa (5 minutos de esteira, bike ou elíptico, com intensidade constante e um pouco mais intensa). Para estas séries, é preciso apenas um colchonete e pesos livres.
Não se esqueça de começar pelo alongamento básico leve (3 minutos) e aquecimento (10 minutos de esteira, bicicleta ou elíptico, com intensidade constante e moderada). “Na falta de aparelho, uma alternativa é marchar no lugar, com joelhos elevados e ritmo constante”, sugere o personal trainer.
Ao terminar o circuito, faça dez minutos de esteira, bike ou elíptico, em intensidade moderada, mais o alongamento final, que deve ser intenso e prolongado. “Além de relaxar, essa recuperação e alongamento vão contribuir para eliminar o ácido lático que ficou acumulado nos músculos e evitar dores subsequentes”, finaliza o personal.
Importante: antes de começar a praticar qualquer novo exercício (ao qual você não esteja acostumada), consulte um personal trainer e faça um check-up médico.
Fonte: site uol, por Givanildo Holanda Matias
banner blog cliente
Gostou? Clique aqui e Curta nossa página do facebook e fique por dentro de todas novidades do blog!

Comments

comments